Número de brasileiros que vivem na miséria cresce 53% em dois anos

Em 2016, o Brasil fechou o ano com 24,8 milhões de brasileiros com renda inferior a um quarto do salário mínimo por mês.
A quantidade de brasileiros que vivem na miséria cresceu 53% no período de 2014 a 2016. Atualmente, cerca de 24,8 milhões de pessoas sobrevivem com uma renda inferior a um quarto do salário mínimo por mês. O número representa 12,1% da população.
A região Nordeste é a que concentra o maior número de pessoas nesta situação. Foram contabilizadas 13,1 milhões de pessoas em extrema pobreza em 2016. A região do Centro-Oeste, por sua vez, foi a que apresentou o menor índice, com 900 mil brasileiros que recebem menos de um quarto do salário mínimo por mês.
Os números da Síntese de Indicadores Sociais foram divulgados nesta sexta-feira (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

Da Redação: (esplanadagora@gmail.com) 
Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil
Fonte: Bahia.ba