Subdestaque

ERUPÇÃO DE VULCÃO PODE PROVOCAR TSUNAMI E ATINGIR A COSTA BRASILEIRA

17/09/2021

A informação de que um vulcão localizado na costa da África pode entrar em erupção e causar um tsunami que atinja o Nordeste do Brasil se espalhou rapidamente entre internautas na manhã desta quinta-feira (16). De fato, autoridades espanholas emitiram o alerta de que o Cumbre Vieja, localizado na ilha de La Palma, pertinho do Marrocos, pode cuspir fogo em breve. Mas a pergunta que fica é: será que uma erupção a tantos quilômetros de distância pode mesmo causar estragos significativos no nosso país?

Pesquisador do Instituto de Ciências do Mar da UFC (Universidade Federal do Ceará), Carlos Teixeira, pede cautela. Em primeiro lugar, é necessário explicar que o que existe até o momento é um alerta amarelo para a possibilidade de erupção. Esse, no entanto, não é o nível de alerta mais preciso, que confirme com certeza que o evento vai acontecer. “Ele [o vulcão] não estava dando sinais de erupção [há décadas], mas agora ele chegou a um segundo nível. São quatro níveis de alerta. Ele pode vir a ter uma erupção, mas não significa que essa erupção vai gerar um tsunami, mas é uma possibilidade, mesmo que mínima”, disse o professor.

Em segundo lugar, não é qualquer tipo de erupção do vulcão que pode causar o temido tsunami. De acordo com o especialista, a erupção precisaria ser do tipo explosiva. “Existem diversos estudos já publicados sobre essa possibilidade de tsunami. É uma hipótese real, e ela aconteceria caso houvesse uma erupção explosiva”, explicou Carlos Teixeira. Além da erupção explosiva, existem outros dois tipos de explosão: efusiva e mista. O que diferencia as erupções é a intensidade e proporção de lava e rochas que elas emitem. A explosiva é a mais intensa das três.

Além disso, a distância entre a ilha de La Palma e o Nordeste brasileiro é outro ponto a ser observado. No total, são 4.462 km de distância entre o vulcão e a cidade de São Luís, no Maranhão. “Se essa possibilidade de erupção ocorrer, não significa que vai ser explosiva; se for, não quer dizer que vai chegar aqui com ondas de oito, dez metros; pode chegar aqui bem menor”, esclarece o pesquisador.

Da Redação do EA

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar