Subdestaque

BAHIA: CPI DA COELBA CRESCE NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

09/11/2021

Mais cinco deputados estaduais assinaram o requerimento que pede a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) para investigar a Coelba, empresa privada controlada pelo grupo espanhol Neoenergia/Iberdrola, que é responsável pelo fornecimento de energia no estado.

Tiago Correia (PSDB), Rogério Andrade Filho (PSD), Alan Castro (PSD), Mirela Macedo (PSD) e Alden (PSL) se juntaram aos outros 34 parlamentares favoráveis à proposta de CPI apresentada pelo deputado Tum (PSC), conforme o BNews noticiou com exclusividade. Agora a CPI tem 39 assinaturas, 18 a mais que o mínimo necessário.

Nesta segunda-feira (8), conforme informações apuradas nos bastidores, o grupo Neoenergia Coelba passou a assediar deputados para uma reunião fechada. A tentativa de aproximação é criticada por Tum, segundo o qual a companhia trabalha no sentido de antecipar a oitiva ou, até mesmo, esvaziar a comissão.

Nas justificativas para instalação da CPI, o autor questiona a pouca transparência na composição dos preços cobrados aos baianos, além dos “prazos e custos nas solicitações de ligação, exigindo, sobretudo dos grandes consumidores, valores milionários para viabilizar o fornecimento de energia”.

somente nos primeiros quatro meses de 2021, a Coelba registrou lucro líquido de 10 bilhões de reais. No entanto, a companhia segue liderando o ranking de reclamações do Procon e é mal avaliada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Da Redação do EA

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar