Subdestaque

RJ: MULHER É PRESA POR TENTAR MATAR ENTEADO COM FEIJÃO ENVENENADO

22/05/2022

Uma mulher foi presa pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (20), acusada de tentar matar o próprio enteado envenenado, no Rio de Janeiro. De acordo com as investigações, a suspeita, identificada como Cíntia Mariano Dias Cabral, serviu feijão com veneno para o adolescente, que tem 16 anos. Após fazer a refeição, a vítima deu entrada em um hospital municipal com sintomas como tontura, língua enrolada, babando e com a coloração da pele branca.

A madrasta do adolescente vivia com seu pai do garoto há cerca de seis anos. Segundo testemunhas, a vítima, ao comer o feijão, reclamou do gosto amargo da comida. A mulher, então, teria levado o prato que o menino comia de volta para a cozinha e acrescentado mais comida.

Depois de ser envenenado, o menino seguiu para a casa da mãe, onde começou a apresentar os sintomas de envenenamento. Já no hospital, o adolescente foi submetido a uma lavagem gástrica e foi diagnosticado com intoxicação exógena. Na casa onde o jovem foi envenenado, a polícia localizou um veneno de pulgas na cozinha.

Acusada também teria matado enteada envenenada

Desde o episódio de envenenamento do adolescente, a polícia vem investigando a hipótese de Cínthia também ter envenenado a enteada, a estudante Fernanda Carvalho Cabral, de 22 anos. A jovem morreu em março deste ano, na mesma unidade de saúde onde o irmão foi socorrido. Na ocasião, ela internada com sintomas semelhantes ao do garoto, após também ter ingerido uma refeição servida pela madrasta.

Ainda segundo as investigações, os crimes teriam sido motivados por ciúmes, já que a madrasta tinha ciúmes dos filhos do seu marido com o pai. Os jovens moravam junto com o casal.

O delegado Flávio Rodrigues, responsável pelo inquérito, informou como as investigações devem ser conduzidas. “Ainda restam algumas diligências, como a exumação do corpo da Fernanda, para podermos concluir que ela foi a responsável pelo envenenamento dos dois jovens, em circunstâncias semelhantes”, relata.

Da Redação do EA

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar