Acontece

LULA CONFESSA QUE ATUOU PARA SOLTAR CRIMINOSOS

19/06/2022

Lula é um tremendo cara de pau, um sujeito amoral. Sua nova façanha, horripilante por sinal, foi contar vantagem de um momento em que agiu em favor de criminosos.

Nesta sexta-feira (17), em evento em Maceió, o ex-presidiário confessou que atuou diretamente para libertar os bandidos que sequestraram o empresário Abílio Diniz, em 1989, e o levaram para um cativeiro de tortura na zona sul de São Paulo.

Impressiona como Lula, em seu relato, trata com carinho os criminosos e choca a sua atuação em parceria com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e com Renan Calheiros.

Enquanto estiveram presos, os bandidos teriam entrado em greve de fome.

Lula intercedeu: “A morte seria certa. Aí então eu fui procurar o ministro da Justiça chamado Renan Calheiros”. Segundo o petista, Calheiros disse ter “toda a disposição de mandar soltar o pessoal”.

Ainda segundo Lula, FHC afirmou que liberaria os sequestradores se o petista os convencesse a acabar com a greve de fome. “E eu fui na cadeia no dia 31 de dezembro conversar com os meninos e falar: ‘Olha, vocês vão ter de dar a palavra para mim, vocês vão ter de garantir pra mim, que vão acabar com a greve de fome agora e vocês serão soltos’. Eles respeitaram a proposta, pararam a greve de fome e foram soltos.”

Esse é o marginal que governou o Brasil por 16 anos, e agora quer voltar a cena do crime.

Da Redação do EA

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar