Destaque

BRASIL EM GUERRA CONTRA O CRIME EXTRADITA O “REI DA COCAÍNA”

08/07/2022

O homem que é considerado um dos chefes da ‘Ndrangheta’, a poderosa máfia italiana, foi devidamente extraditado pelo Brasil e já se encontra a disposição das autoridades daquele país.

Roco Morabito, mais conhecido como “Rei da Cocaína”, terá de cumprir pena de 30 anos de prisão por associação criminosa, tráfico de drogas e outros crimes graves.

O “Rei da Cocaína” era procurado desde 1995 e foi preso em maio do ano passado em João Pessoa (PB). Ele desembarcou na Itália sob a escolta de agentes da polícia italiana. De acordo com a Interpol ele era um dos fugitivos mais procurados do mundo.

Morabito havia sido capturado em 2017 em Montevidéu, no Uruguai, onde morou durante 13 anos com uma identidade falsa. Lá, tinha passaporte brasileiro e se apresentava como um grande empresário do comércio da soja.

A justiça uruguaia aprovou sua extradição para a Itália em 2018, mas, em junho do ano seguinte, Morabito protagonizou uma notória fuga do telhado do presídio central de Montevidéu junto com outros três estrangeiros. Ele estava foragido até ser preso no ano passado em João Pessoa.

A prisão de Morabito na Paraíba foi efetuada pela Polícia Federal em parceria com a Abin (Agência Brasileira de Inteligência) e a polícia italiana.

Da Redação do EA

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar