Destaque

COMUNISMO EM EBULIÇÃO: ARGENTINA EXIGE RENÚNCIA DE ALBERTO FERNÁNDEZ

11/07/2022

Com informações da correspondente em Buenos Aires, a jornalista Maria Laura Assis, a crise econômica e social na Argentina está atingindo um nível insustentável e quase sem volta.

E neste sábado, dia 9 de julho, data em que é comemorada a Independência da Argentina, o povo saiu às ruas e lotou as praças para protestar e exigir a renúncia do presidente Alberto Fernández.

A principal mobilização, com milhares de pessoas, foi diante da Casa Rosada, o palácio do governo. Mas há também uma preocupação com a possibilidade de que a vice-presidente Cristina Kirchner assuma o cargo, como determina a Constituição do país.

Afinal, segundo fontes seguras, Kirchner é quem preside, de fato, o país portenho, e teria ordenado a Fernández a nomeação de Silvina Batakis, como nova ministra da Economia. Medida que desagradou a população e o mercado financeiro.

Da Redação do EA

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

você pode gostar